Casagrande investe R$ 1,5 mi na Santa Casa de Colatina. Ação foi articulada pelo Deputado Federal Da Vitória

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on print

Pela necessidade de proporcionar uma nova frente de saúde, não só para Colatina, mas para toda Região, o Governo do Estado e a direção da Santa Casa de Misericórdia de Colatina estão ampliando os serviços de saúde do hospital. Esta ação, vai muito além de atendimento pontual, decorrente do Estado de Emergência em Saúde Pública, ou seja, é o passo para ampliação e qualificação dos serviços de saúde prestados em Colatina e Região.

O Hospital Santa Casa de Misericórdia de Colatina sempre dispôs de espaço físico para ampliação da oferta assistencial, entretanto, não houveram anteriormente oportunidades e apoio para esse crescimento. Assim com o investimento do Governador Renato Casagrande no hospital haverá a ampliação de serviços que dará mais qualidade de vida aos colatinenses e habitantes de toda a região.

Mas para que isso se tornasse possível era necessário um agente público conectar a Santa Casa de Colatina com o Governo do Estado. Esse papel coube ao Deputado Federal Colatinense, Da Vitória, que visualizou a capacidade de ampliação do serviços prestados pelo Hospital Santa Casa, e assim realizou a intervenção da relação junto ao Governo do Estado. 

A relação com o Governo do Estado foi ampliada, com o realinhamento da rede cegonha da Região, no qual em conjunto com Hospital São José, foi direcionado a execução dos partos de risco habitual para o Hospital Santa Casa. Importante destacar, que no mês de Abril deste ano, foi implantado 10 novos leitos de saúde mental infanto-juvenil, através de Contratualização com o Governo do Estado.

Com a evolução do estado epidemiológico, decorrente do surto de Covid-19, iniciaram implantação de 10 novos leitos de UTI e 30 novos leitos de clínica médica, destinados ao atendimento do público adulto. As obras iniciaram no final de maio de 2020 considerando a urgência do Estado. O custo aproximado é de 1 milhão e meio, incluindo equipamentos e reforma da estrutura. sendo Custeado pelo Auxílio Emergencial destinado pelo Governo Federal para enfrentamento ao COVID-19, além de emendas parlamentares.

A Diretora da Santa Casa de Misericórdia de Colatina Débora Gatti relata que: “desde quando iniciei a gestão sempre esteve em meu planejamento a ampliação e qualificação dos leitos do Hospital Santa Casa, e principalmente a qualificação da oferta de serviços em benefício à população de Colatina e região de saúde que necessitam de mais atendimento. 

Entretanto, as oportunidades não chegavam na velocidade pretendida e necessária à demanda. Não medindo esforços, realizei restauração da equipe estratégica da instituição, visando não só o aumento da capacidade de oferta, e sim a qualificação e humanização dos atendimentos prestados pelo Hospital”. Revela a Diretora.

Mais Notícias

Deixe um comentário