“Se continuar assim, Colatina vai voltar para a estaca zero. Tudo fechado. Doa a quem doer”. Afirma o Prefeito Sérgio Meneguelli

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on print

Com um dos piores índices de isolamento social do Espírito Santo, uma média de 42,35%, de acordo com os dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), Colatina pode ter medidas restritivas se esses números não melhorarem. A afirmação foi feita pelo Prefeito Sérgio Meneguelli a um canal de TV local.

Meneguelli destacou que o Ministério Público do Espírito Santo (MPES), cobrou do município mais ações de combate ao novo coronavírus, o que inclui, mais rigor na fiscalização para garantir o cumprimento dos decretos, municipal e estadual, que visam a redução de quantidade de pessoas nas ruas. Na percepção do Prefeito Sérgio Meneguelli, o executivo tem feito a sua parte promovendo fiscalização dos espaços públicos e ruas do município, e que mesmo assim, a movimentação segue alta na cidade, com pessoas aglomeradas e desrespeito às medidas de isolamento social. Desta forma, o município se comprometeu em reforçar as medidas de fiscalização.

A administração municipal afirmou que pretende discutir com o Estado maneiras para adaptar as regras conforme a realidade da cidade, para tentar diminuir a aglomeração no comércio. A cidade apresenta risco alto de contaminação para o novo coronavírus, de acordo com a classificação do Governo do Estado. As lojas funcionam de segunda à sexta-feira. Entre às 10h e 16h, e somente pode abrir em dias alternados, dependendo do segmento. 

De acordo com o último boletim emitido pela Prefeitura de Colatina, a cidade contabiliza 1.691 casos confirmados, com 37 óbitos. 854 pessoas que foram testados positivos estão em isolamento social em suas residências. 37 pessoas estão internados nos hospitais públicos e privados de Colatina.

ES-FALA/Informação TV Gazeta/Gazeta Online/P.M.C/SESA.

Mais Notícias

Deixe um comentário