Homem aplica golpe em comércio colatinense e é denunciado por empresário

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Um homem está aplicando golpes no comércio de Colatina e em outras cidades do Espírito Santo. O golpista bem vestido, branco, com aproximadamente 1.75 cm de altura e cabelo grisalho entra nos estabelecimentos, faz a compra e pede para pagar em cheque, após a loja verificar sua documentação, liberada a venda e a pessoa sai com o produto do golpe.

Em Colatina, um proprietário de uma loja de material de construção, que não quer ser identificado, entrou em contato com o Portal de Notícias ESFALA para denunciar o golpe: “A pessoa chegou como um cliente qualquer, pediu a mercadoria, na hora do pagamento perguntou se aceitávamos cheque. Ao passarmos o cadastro, na consulta no SPC constava uma observação: a de que a pessoa deveria apresentar o boletim de ocorrência feito em 2010, visto que havia perdido os documentos. Solicitei a identidade para conferir se era a mesma pessoa que estava passando o cheque, as informações bateram então liberei a venda”, relata o empresário.

Após a venda efetuada, o proprietário da loja fez uma pesquisa no Google com o nome que estava na identidade apresentada pelo comprador. O nome que o golpista usou para efetuar compra foi de Fernando B.M., que, na realidade, é um médico morador da cidade de Vitória.

Quando o proprietário percebeu o golpe, entrou em contato com a Polícia Civil. “Quando eu descobri que a pessoa que havia comprado na loja não era o verdadeiro Fernando B.M. entrei em contato com a Polícia Civil e me informaram que o verdadeiro Fernando havia registrado um boletim de ocorrência, pois uma loja de Colatina havia contactado ele devido a um cheque sem fundo. Ou seja, não foi a primeira vez que a pessoa aplicou golpe na cidade com esse nome”, revela.

Segundo o proprietário da loja, o prejuízo foi de R$ 2.346,00. Já se tem notícias de outros estabelecimentos comerciais em Colatina que também foram vítimas da mesma pessoa.

O golpista está apresentando os cheques do Banco do Brasil de diferentes agências do Estado. Segundo informações, outros golpes foram efetuados em lojas do Bairro Maria das Graças e Bairro Lacê. Em uma dessas ocasiões, foi negado ao estelionatário o crédito no cheque e o mesmo disse que iria no carro buscar o cartão de crédito e não voltou mais.

O comerciante registrou a denúncia no Departamento de Polícia de Colatina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular