Médico que sofreu acidente de moto morre após 13 dias de UTI, em Colatina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O médico anestesista, Dr. Júlio César Portugal Prates de Mattos, que se envolveu em um acidente de trânsito por volta de 1h20 da madrugada de sábado, dia 26 de junho, na cabeça da Ponte Florentino Avidos, em Colatina, não suportou as complicações ocasionadas pelo acidente e veio a falecer.

O anestesista, muito querido em Colatina, permaneceu por 13 dias em uma Unidade de Terapia Intensiva, em um hospital particular no município de Colatina, lutando pela vida, mas infelizmente não suportou as complicações.

De acordo com as informações, no dia do acidente, o médico, trafegava de motocicleta sentido São Silvano-Centro quando passou mal e caiu do veículo. Com a queda, o motociclista bateu fortemente em uma placa de sinalização, onde permaneceu até a chegada do atendimento do Resgate do Corpo de Bombeiros de Colatina, onde foi encaminhado para um hospital particular no município.

Em nota de pesar, o plano de saúde onde o médico era cooperado, revelou:” que seu exemplo de ética e alegria pela medicina e pela vida sejam sempre inspiração para todos aqueles que tiveram o privilégio de sua convivência”.


Motocicleta que o médico sofreu o acidente

O velório do médico, Júlio César Portugal Prates de Mattos, 44 anos, acontece na Loja Maçônica 22 de Agosto, no bairro Moacir Brotas. O sepultamento será às 16h30, no cemitério do bairro de São Vicente.

Fotos captadas nas redes sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular