Prefeito Meneguelli fala sobre novos critérios que definirão possíveis fechamentos dos setores produtivos em Colatina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Colatina passa por um dos períodos mais difíceis devido as consequências da luta contra o Covid-19. Em todo o mundo as determinações para se vencer a pandemia é o isolamento social, as restrições de setores produtivos e o impedimento de aglomeração de pessoas e vários outros. Mas quem tomam as decisões, principalmente em nível de Brasil, está sendo os governadores e prefeitos. 

O Portal de Notícias ES-FALA, entrevistou o Prefeito de Colatina Sérgio Meneguelli. Neste momento de pandemia, saber do prefeito, como ele está lidando com o atual momento e quais as possíveis medidas que irá tomar, caso o número de contaminados continue crescendo em Colatina ao ponto de alcançar o índice de cidade de “Alto Risco”, determinada pelo Governo Estadual, foi o nosso objetivo.  

ES-FALA: Prefeito esse é o momento mais difícil da sua administração?

Prefeito Sérgio Meneguelli: Dentro dessa gestão enfrentamos momentos difíceis como a Febre Amarela em 2017, a crise da segurança pública em 2018 e tantas outras dificuldades que o dia a dia nos apresenta, mas, podemos afirmar que sim, que estamos vivendo um dos momentos mais difíceis de nossa gestão até o momento.

ES-FALA: Como o senhor está vendo a postura do Colatinense perante os decretos?

Prefeito Sérgio Meneguelli: A situação não é confortável para ninguém. Envolve todos os segmentos e junto a isso abala a economia consideravelmente. Mas é uma questão de saúde e neste caso a vida é prioridade. Os decretos são discutidos e graças a esse dever de casa que vem sendo feito de forma correta estamos podendo caminhar de forma flexibilizada, afinal nossa cidade é uma região polo que concentra uma população flutuante muito ampla. Temos a convicção de que a maioria está de acordo e as decisões seguem sendo tomadas em conjunto com entidades representativas.

ES-FALA: A gente observa medidas duras sendo tomadas pelo senhor, as vezes até mais enérgicas do que o governo estadual. Como lidar com essa situação junto as classes produtivas da cidade?

Prefeito Sérgio Meneguelli: Como afirmei Colatina é um município onde o fluxo de pessoas é muito grande por ser uma cidade polo e referência nas áreas de saúde e educação por exemplo. Por isso tenho a certeza de que fizemos o certo, fizemos e estamos fazendo o dever de casa. Pelo tamanho de Colatina e por esse fluxo de pessoas, se compararmos com outros municípios de forma proporcional, os nossos casos são bem menores e isso é reflexo deste trabalho de prevenção. São doses de um medicamento amargo no momento, mas são necessárias, pois aqui vivemos e nada melhor do que este olhar para identificar o que pode e o que não pode ser feito diante dessa situação visando garantir a saúde de todos.

ES-FALA: Já estamos com 30 contaminados em Colatina. Segundo o decreto estadual, após 35 casos, as cidades que alcançam esse número já são consideradas de alto risco. Colatina corre risco de ter novamente setores como comércio fechados?

Prefeito Sérgio Meneguelli: Estamos fazendo de tudo para evitar que essa situação se agrave. A portaria que define critérios de mudança de risco será republicada na noite de hoje (02 de maio). De acordo com novos critérios atualizados pela SESA, não será mais o número isolado de casos que modificará o grau de risco do município. Agora será levado em consideração o grau de ocupação de leitos também. A expectativa é de que com o aumento dos testes nestes próximos dias possamos ter um aumento no número de casos, e a depender da apresentação dos resultados da semana poderemos mudar ou não as ações adotadas até o momento. Mas os maiores detalhes serão conhecidos pelos secretários municipais neste fim de semana.

ES-FALA: Como se dará essa conta de infectados. Serão 35 casos consecutivos ou não contará os já curados, para que a prefeitura tome novas decisões restritivas?

Prefeito Sérgio Meneguelli: Nunca se subtrai os curados da conta. Sempre são considerados o total, uma vez que podemos presumir que um infectado contaminou outras pessoas que podem ser até assintomáticas.

ES-FALA: Neste sábado dia 2 de maio, o centro da cidade estava com muitas pessoas nas ruas, supermercados, etc… qual a sua mensagem para as pessoas que ainda não estão convencidas da importância do isolamento social.

Prefeito Sérgio Meneguelli: Que não brinquem com essa situação. Não espere acontecer com alguém próximo para ver que é sério. Caiam na real e protejam-se. Temos muitas pessoas trabalhando porque os serviços essenciais não podem parar, mas quanto menos pessoas circularem mais protegidos estes que precisam desempenhar suas funções estarão. Acredito que isso vai passar e o mais breve se todos fizerem sua parte e assim poderemos voltar a nos abraçar. Mas agora, neste momento o isolamento, o ficar em casa é importante.

O Prefeito de Colatina ressalta que mesmo com a pandemia a prefeitura segue realizando obras, como pavimentação de ruas, feira livre, até para poder espaçar mais as barracas. “Estamos com dificuldades, mas não estamos parados”. Finaliza o Prefeito Meneguelli.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular