Governador Casagrande lança Operação Colheita 2021 no Espírito Santo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O governador do Estado, Renato Casagrande, lançou, na manhã desta sexta-feira (21), no município de São Gabriel da Palha, a Operação Colheita 2021, que consiste em reforçar o policiamento ostensivo da região rural durante todo o período de colheita de café, cana-de-açúcar, abacaxi e outros cultivos, que ocorrem entre os meses de maio e novembro. Serão empregadas 200 viaturas em todo o Estado, sendo 110 em escala extra. O investimento é de R$ 1.496.277,36 com o pagamento de Indenização Suplementar de Escala Operacional (ISEO).

O objetivo da ação é aumentar a segurança dos produtores rurais durante o período, por conta da migração de pessoas, além da maior circulação de mercadorias e valores nas regiões produtoras do Estado. A Polícia Militar fará o reforço do policiamento buscando maior estreitamento da relação com os moradores do meio rural, bem como intensificar as ações de abordagens a veículos e pessoas e, também, ações conjuntas com outros órgãos, entre eles, a Polícia Civil e a Secretaria da Fazenda (Sefaz).

Em sua fala, o governador destacou a importância da reestruturação das forças de segurança em todos os cantos do Espírito Santo. “No meu primeiro mandato, recebemos as forças de segurança destruídas e as entregamos reestruturadas. Novamente assumimos e encontramos as forças destruídas. Estamos as reestruturando mais uma vez. Essa é a missão que temos. Isso exige dedicação e investimento. Hoje atendemos a um setor da sociedade importantíssimo que é a agricultura”, pontuou.

Casagrande prosseguiu: “Recebemos hoje muitas reclamações da ocorrência de furtos, roubos e até homicídio no interior do Estado. Com esse reforço no policiamento, estamos dando hoje um passo a mais para atacar esse problema. Serão empregadas 200 viaturas em todas as regiões do Estado. É muito importante que o agricultor observe e acione imediatamente as forças de segurança. O nosso compromisso com a agricultura capixaba não se resume à segurança. Também estamos realizando obras em estradas vicinais pavimentadas com Revsol, além do Caminhos do Campo e de outras rodovias estruturantes que estão em andamento.”

O presidente da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Espírito Santo (Fetaes), Julio Cezar Mendel, comemorou a iniciativa. “O belo trabalho que a Polícia Militar vem fazendo nas cidades, automaticamente se expande para o meio rural. Esses agricultores que trabalham de sol a chuva, às vezes perdem um ano de trabalho em uma hora, por isso venho parabenizar o Governo do Estado por essa ação”, declarou.

O prefeito de São Gabriel da Palha, Tiago Rocha, falou sobre a parceria do Governo do Estado com os municípios. “Tenho certeza que nosso município terá muitas conquistas com essa parceria com o governador Casagrande, que foi e continua sendo o governador que mais fez investimentos até hoje pelo Espírito Santo. São Gabriel da Palha é grande, mas é grande com a ajuda de todos. Sabemos da importância dessas viaturas e de dar mais segurança aos agricultores. Uma viatura faz muita diferença e traz o respeito ao agricultor”, pontuou.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, falou mais sobre a iniciativa. “O governador nos chamou, preocupado com a questão rural e nos pediu sugestões do que fazer. Infelizmente temos um déficit de efetivo que não foi reposto pela administração anterior e estamos realizando um concurso público para recolocar. No momento em que apresentamos a proposta da Operação Colheita, o governador assinou imediatamente. Agora, teremos um grande reforço na área rural e esperamos que as comunidades também participem do processo da segurança pública”, disse.

“A colheita do café é um momento importante para a agricultura capixaba. Nesse período há um grande volume de dinheiro, além de equipamentos agrícolas que chamam atenção de pessoas má intencionadas. Nos reunimos com vários atores da cadeia produtiva cafeeira para levantar as principais demandas e onde poderíamos atuar. Levamos a situação ao Governador, junto com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp), que prontamente acolheu nosso pedido. Essa ação de pratulhamento é fundamental para dar mais segurança aos produtores durante a panha do café”, explicou o secretário de Estado da Agricultura, Paulo Foletto.

“Só temos a agradecer ao governador Renato Casagrande pela sensibilidade de ter disponibilizado o recurso para fazermos a Operação Colheita 2021. Poderemos acrescentar mais 110 viaturas para policiamento em área rural no Estado do Espírito Santo. Todas as regiões serão contempladas e esperamos aumentar essa interação com as comunidades rurais”, comentou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Douglas Caus.

Esse reforço do policiamento ostensivo na Operação Colheita não implica em diminuição do efetivo empregado nas áreas urbanas, uma vez que o efetivo empregado é formado por militares em horários de folga, sob empenho dado por Indenização Suplementar de Escala Operacional (ISEO).

A solenidade teve as presenças da vice-governadora do Estado, Jacqueline Moraes; do secretário-chefe da Casa Militar, Coronel Aguiar; dos prefeitos Daniel Santana (São Mateus), Uelikson Boone, o Bolinha (Vila Pavão), Arnóbio Pinheiro (Pinheiros), Augusto Astori, o Gutim (Marilândia), Ana Malacarne (São Domingos do Norte), Jailson Quiuqui (Águia Branca), Marcos Guerra (Jaguaré) e Davi (Vila Valério); do deputado federal Josias Da Vitória; dos deputados estaduais Freitas, Raquel Lessa, Janete de Sá, Luiz Durão e Marcelo Santos; além de vereadores, secretários municipais, representantes de instituições e lideranças locais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular