Inaugurada base descentralizada do SAMU em Colatina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Nesta quinta-feira, 1º, foi inaugurada em Colatina a base descentralizada do Samu, que passa a integrar a rede de atendimento a emergências no município. Também foram entregues três ambulâncias, sendo duas unidades básicas e uma avançada, que conta com UTI e médico 24 horas. Agora, o Samu passa a ter 96% de cobertura na região noroeste, estando presente em 14 municípios através do Consórcio Cim Noroeste.

Na inauguração também foram iniciados os testes de simulação de atendimento, com as equipes treinando socorro de vítimas de acidente de trânsito. Outras ações vão ocorrer durante a semana em toda cidade para treinamento e conhecimento da região. As equipes de atendimento do Samu em Colatina já contam com mais de 30 profissionais, entre médicos, enfermeiros, técnicos e condutores.

Lembre-se: para chamar o Samu basta uma ligação: 192. Acione o serviço com responsabilidade e evite trotes.

Estiverem presentes o vice-prefeito, secretário municipais, vereadores, deputado estadual, representantes do Corpo de Bombeiros e do Consórcio Cim Noroeste.

GOVERNO DO ESTADO IMPLATA SAMU DE NORTE A SUL

Há cinco meses operando na Região Norte de Saúde do Estado, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) apresenta grande quantitativo de atendimento à população. De acordo com os dados do Sistema da Central de Regulação, entre os meses de janeiro e abril foram registrados 3.683 chamados regulados. 

Desses, aproximadamente 91,3% são classificados como primários, ou seja, oriundo do cidadão. Os outros 8,1%, denominados secundários, são chamados realizados pela unidade de saúde em que o paciente internado, que solicita a sua remoção para outro local apropriado ao atendimento.

Quando analisada a faixa etária mais atendida pelo serviço na região, os pacientes entre 20 e 59 anos aparecem com 2.045 solicitações. Já o desfecho dos casos mais comuns são orientação médica, encaminhamento ao hospital e cidadãos removidos por terceiros.

Entre os meses de funcionamento do SAMU 192, março apresentou o maior número de chamados contabilizados, com 1.065. O pico de atendimentos nesse período oscilou entre as 16 horas e as 22 horas.

Atualmente, o serviço de atendimento está presente em 11 municípios. São eles: Boa Esperança, Conceição da Barra, Jaguaré, Montanha, Mucurici, Nova Venécia, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo, São Mateus e Vila Pavão.

A expansão faz parte do programa estadual ‘SAMU para Todos’, que visa a garantir auxílio pré-hospitalar móvel de urgência para 100% da população capixaba. A ação é uma parceria do Governo do Estado, municípios e Consórcios Intermunicipais de Saúde (CIS).

O superintendente da região, Edilson Monteiro, ressalta a evolução que o serviço trouxe às cidades e que a população ganhou muito com o SAMU 192.

“Podemos relatar um ganho extraordinário no tempo de respostas dos atendimentos aos pacientes, tanto no pré-hospitalar móvel de urgência quanto no intra-hospitalar. Vale destacar que todos os chamados passam pela Central de Regulação, que classifica e encaminha as unidades de suporte de acordo com a necessidade de cada paciente”, destacou Monteiro.

Ambulâncias da base descentralizada de Colatina

SAMU para Todos

O programa Estadual SAMU para Todos foi instituído pelo Governo do Estado em 2019, por meio do decreto N° 4.548-R. O objetivo é garantir assistência pré-hospitalar móvel de urgência para 100% da população capixaba.

Atualmente, o serviço está presente em 56 municípios do Estado, representando uma cobertura populacional de, aproximadamente, 87%. Para atender à demanda em tempo oportuno, são 86 unidades móveis de atendimento, sendo 66 Unidades de Suporte Básico e 20 Unidades de Suporte Avançado.

Quando acionar o SAMU 192

Saber como e quando acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência contribui para que ele possa cumprir sua função principal, que é prestar socorro à população em casos de risco à vida. Ao acionar o serviço, é preciso que a pessoa esteja ao lado do paciente para que seja garantido um atendimento ágil e adequado à situação. Em alguns casos, o acompanhante mesmo pode iniciar o atendimento com orientação do médico regulador até que o socorro chegue ao local.

O SAMU 192 realiza atendimento pré-hospitalar com prioridade para casos de risco à vida, por isso as pessoas não devem passar trotes nem ocupar as linhas telefônicas para solicitar atendimentos que não tenham esse foco.

Acione o serviço em casos de:

– Parada cardiorrespiratória;

– Dor forte no peito (infarto);

– Dificuldade de respirar/engasgo;

– Suspeita de acidente vascular cerebral (derrame);

– Intoxicação (envenenamento);

– Queimadura grave;

– Choque elétrico;

– Acidente de trânsito com vítima;

– Queda grave e fratura;

– Afogamento;

– Surto psiquiátrico;

– Ferimento causado por arma de fogo ou arma branca;

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular