Colatina e Baixo Guandu recebem recursos para investimentos em saúde

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Os estados do Espírito Santo e de Minas Gerais, além de 36 municípios mineiros, vão receber R$ 150 milhões em recursos compensatórios da Fundação Renova para investimentos exclusivamente em saúde. Ao todo, serão destinados R$ 82,8 milhões para Minas Gerais, R$ 60 milhões para o Espírito Santo e R$ 7,2 milhões para 36 municípios mineiros. Considerados de caráter compensatório e como antecipação de reparação pelo rompimento da Barragem de Fundão, os recursos serão empregados no Sistema Único de Saúde(SUS) para reforçar o combate á Covid 19 e proporcionar um legado estrutural e permanente para as regiões contempladas.

No caso dos Estados, os valores serão destinados, de modo exclusivo, para a aquisição de bens de capital e de consumo duradouro, como equipamentos médicos, ambulâncias, monitores cardíacos, respiradores pulmonares, camas hospitalares, aparelhos de tomografia e aparelhos de ultrassonografia, além de construção e reforma de áreas hospitalares para ampliação de leitos. 

INVESTIMENTOS NO ESPÍRITO SANTO

Ao Governo do Espírito Santo serão destinados R$ 60 milhões para serem investidos na construção de Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) em Colatina e Linhares e ainda a construção de Hospital de Pequeno Porte, em Baixo Guandu.

Também estão previstos até R$ 15,2 milhões para a aquisição de 45 ambulâncias, sendo 37 Unidades de Suporte Básico e 8 Unidades de Suporte Avançado, e de equipamentos hospitalares, como tomógrafos, ultrassons, cardioversores, máquinas de raio X fixas e móveis, sistemas de radiografia computadorizada e aquecedores de contraste.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular