Idoso internado em asilo é a décima nona morte por Covid-19 em Colatina

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on print

Ocorreu mais uma morte por Covid-19 em Colatina nesta sexta-feira (19), com esse óbito já são 19 colatinenses que foram vencidos pela pandemia. O senhor com as iniciais J.R.A, ex-morador do bairro Colatina Velha, estava acolhido a aproximadamente dois anos no Asilo Vovô Simeão, no bairro Carlos Germano Naumann.

Entorno de uma semana, o idoso foi diagnosticado com dengue, os sintomas, segundo os funcionários que acompanharam a evolução da enfermidade acreditavam se tratar da doença transmitida pelo Aedes aegypti, mas ao ser internado no Hospital Sílvio Avidos, detectaram que na realidade se tratava de Covid-19.


J.R.A., tinha feito a alguns dias o teste para Covid-19, mas deu negativo, mas com o passar dos dias provavelmente foi infectado pelo vírus e ao chegar no hospital, imediatamente foi levado para UTI e intubado. O idoso deu entrada no hospital na última sexta-feira (12), suportou os efeitos da doença por uma semana e nesta sexta-feira (19), faleceu.


O idoso, era um dos poucos internos do asilo que não precisava ser medicado, pois o único problema acentuado que tinha era uma hérnia. Se alimentava bem, era considerado uma pessoa de 91 anos ainda com boa vitalidade.


Funcionários do asilo, desconhecem que o falecido tenha algum familiar em Colatina, pois nesses anos de internação, nenhum parente ou membro da família nuclear foi lhe visitar. Mesmo diante do ostensivo trabalho de higienização e cuidados que é característico do Asilo Vovô Simeão, duas mortes ocorreram entre os internos. 


A boa notícia, é que dentre os idosos que testaram positivo para o Covid-19, três já retornaram para a casa de repouso e dois estão concluindo a quarentena no Hospital Dr. João dos Santos Neves, em Baixo Guandu. A tendência é retornarem para o asilo, na próxima semana.     

Foto ilustrativa captada nas redes sociais.

Mais Notícias

Deixe um comentário