Unidade Negra Capixaba entrega ao Prefeito de Colatina reivindicações para o enfrentamento à pandemia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Na sexta-feira (26) a Unidade Negra Capixaba contra o COVID-19 entregou ao Prefeito Sérgio Meneguelli reivindicações e propostas para o enfrentamento aos impactos da pandemia na população negra de Colatina.

O documento foi entregue por Eliane de Fátima Inácio, do Movimento de Mulheres Negras Zacimba Gaba e Presidente do SISPMC, Edriane Rabello, assistente social e membro do SISPMC, e Rosania Rosa, representando o Coletivo de alunos negros Agbára Ayo, do IFES Campus Colatina.

As reivindicações e propostas foram elaboradas coletivamente com a participação de mais de setenta organizações, reunindo pesquisadores, movimentos negros, comunidades tradicionais e povos de terreiros.

É importante ressaltar que o racismo é um dos principais responsáveis pela alta mortalidade entre as pessoas negras, como comprova o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), visto que historicamente produz modos de tratamento que precariza as condições de vida da população negra.

Segundo dados oficiais divulgados pelo Painel COVID-19 do ES, a população negra apresenta taxas de óbito gritantes em relação aos demais grupos populacionais de raça/cor. A segunda fase do inquérito sorológico, responsável por investigar o comportamento do coronavírus no Estado, apontou que mais de 70% dos negros foram infectados.

A entrega desse documento, além de propor ações de enfrentamento, tem como objetivo construir um canal de diálogo entre a Prefeitura e organizações negras no município. Que a Administração tenha compreensão e responsabilidade pública por conta da grave situação causada pela pandemia que atinge mais gravemente à população negra.

Deixe um comentário