Enormes filas e aglomeração marcam vacinação de idosos neste sábado (20) em Colatina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

A Secretaria Municipal de Saúde anunciou durante a semana que iria transferir os locais de vacinação do município de Colatina, que ocorrem nos postos de saúde, para os ginásios da Ademc, que fica localizado no bairro Marista e no clube da ACD, em São Silvano. O objetivo era evitar a aglomeração dos idosos entre 75 e 79 anos, nos postos de saúde, pois são locais com pouca circulação de ar e uma maior probabilidade da disseminação da Covid-19.

Mas se a mudança teve como objetivo evitar a aglomeração, na prática não foi isso que foi visto pela população colatinense que enfrentam enormes filas, em ambos os locais de vacinação contra o coronavírus.

As longas filas causou críticas, tanto dos idosos quanto dos seus familiares. “Meu pai tem 78 anos de idade, a locomoção dele é feita com enorme dificuldade e ter que ficar nessa fila, não entendi qual melhora isso irá proporcionar. Olha aquele senhor ali, escorado na parede, parece que está até passando mal”, revela a filha de um idoso, na fila, nas proximidades do antigo Tiro de Guerra, já ocupando toda a calçada da Loja Maçônica Nilo Peçanha, que fica na outra esquina do Ginásio Zitto Dalla, conhecido como Ginásio da Ademc.
 

“Eu sei que não está bom, mas tenho medo de levar meus pais para o posto de saúde do meu bairro para tomar a vacina, lá todo dia tem gente com Covid. Mas eu sei que pelo pequeno número de vacinas que tem, poderia haver um agendamento. A gente nem sabe se eles vão conseguir ser vacinados”. Revela Maria de Lourdes filha de dois idosos  que estavam na fila da vacina. 

  

Loja Maçônica Nilo Peçanha, do outro lado do quarteirão

“Se a intenção foi não aglomerar, acho que a Secretaria de Saúde deveria repensar, pois, como pode ver, as pessoas estão “coladas” umas nas outras. A intenção pode ter sido até boa, mas faltou enxergar além do muro”. Revela um professor aposentado que estava na fila.

O QUE DIZ A PREFEITURA

Estamos atendendo as orientações da Secretaria de Saúde do Estado do Espírito Santo de que neste momento seria importante evitar o contato entre os grupos prioritários que estão sendo vacinados, com as pessoas que estão indo aos postos de saúde para fazer o teste Covid.

São muitas pessoas que estão procurando os postos para saberem se estão contaminados, pois muitos estão com sintomas e colocar esse grupo de idosos juntos, poderia ocasionar uma contaminação junto a essa faixa etária tão vulnerável.


Clube ACD, São Silvano

“Tentamos administrar a fila mais devido a grande quantidade de pessoas, não foi possível fazer um distanciamento. 

Sabemos que o número de vacinas não é suficiente para vacinar todos que lá estão, pois as mesmas estão chegando em pouca quantidade, mas na próxima semana daremos continuidade as vacinações para essa faixa etária”.  Diz o setor de Comunicação da Prefeitura de Colatina.

Atualização: 14h30. Segundo informação do setor de comunicação da Prefeitura de Colatina, todos os idosos que compareceram nos dois locais de vacinação receberam a dose.  

Fila rodeando o quarteirão do Clube ACD

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular