Tatuador de Colatina comenta que desenho íntimo de Anitta está fora de moda na cidade

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Virilha, seios, nádegas e até no bumbum. Muitas celebridades têm deixado vir à tona informações sobre suas tatuagens íntimas, espalhadas pelos lugares mais inusitados do corpo. Uma delas foi a cantora Anitta, que decidiu fazer um desenho em torno do ânus. 

A tirar pelo número de famosas que fez tattoo nas partes mais escondidas, a prática parecia ser tendência. Mas, será que isso está mesmo na moda? Em Colatina, pelo menos, não. Alguns estúdios de tatuagem da cidade relataram ao ES Fala a escassez nos pedidos para desenhos íntimos na pele. 

O perfil das pessoas interessadas na gravação íntima normalmente são mulheres, mas um estúdio relatou ter feito tatuagens íntimas em homens. Nunca, claro, nas regiões ‘escondidas’.

“Prá ser sincero, de uns anos pra cá, essa ideia da tatuagem íntima começou a sair de moda. Tá muito difícil, muito raro mesmo, uma pessoa vir e fazer uma tatuagem mais escondida”, afirma o tatuador Filipe Carvalho, dono do Filipe Tattoo Studio, localizado na rua Camélia, no bairro Moacir Brotas. Segundo ele, os pedidos geralmente são mais solicitados por mulheres solteiras, mas as casadas também procuram o serviço. 

Pimentinhas, nome do parceiro, borboletas, flores e palavras sensuais estão entre os desenhos mais requisitados. Ainda de acordo com Filipe, as mulheres estão expondo mais suas tatuagens. “Elas estão fazendo mais no braço e na perna, nos mesmos locais que os homens sempre fizeram. Acho que esse tabu de esconder já está saindo fora (de moda) de uma vez”, disse o tatuador.

O negócio é tatuar para exibir e não para esconder. Tatuagens íntimas podem até ser normais e corriqueiras para as celebridades, mas na vida do cidadão comum de Colatina, a prática não tem tanta importância ou adeptos, a ponto de ser vista pelos próprios profissionais que aplicam as gravuras na pele como algo completamente fora de moda. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular