Hospital de Baixo Guandu contrata mais 33 profissionais para atuar na crise da pandemia de coronavírus

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Mesmo sem ter nenhum caso registrado em Baixo Guandu (o único suspeito foi descartado), a pandemia mundial de coronavírus levou o hospital da cidade a uma decisão muito importante como forma de prevenção.

Segundo anunciou ontem o diretor geral do Hospital, Fábio Bastianelo, a entidade passará a contar com mais 33 profissionais, distribuídos da seguinte forma:

• 6 médicos
• 6 enfermeiros
• 15 técnicos de enfermagem
• 2 fisioterapeutas
• 4 auxiliares administrativos

O anúncio foi feito durante uma transmissão ao vivo realizado no gabinete do prefeito Neto Barros. O diretor reforçou o enfrentamento à pandemia do coronavírus, salientando que todos devem ficar em casa para evitar a disseminação da doença.

Este reforço na contratação de mais profissionais, de acordo com o diretor, visa dinamizar os serviços de atendimento no hospital, mesmo porque alguns servidores com mais de 60 anos foram temporariamente afastados de suas funções – já que pertencem aos chamados grupos de risco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular