Meneguelli quer fiscalização rigorosa na última semana de comércio fechado em Colatina. Conheça o decreto

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on print

O Prefeito de Colatina Sérgio Meneguelli estendeu o decreto já em vigor, que proíbe a abertura do comércio e algumas prestadoras de serviço. O Gestor Público Municipal revela que em virtude da decisão do Governo do Estado em dar continuidade ao decreto, manterá a mesma atitude só que nesta “última semana” com mais rigor na fiscalização.

A mensagem foi gravada ao lado do Capitão da Polícia Militar de Colatina Carlos Balbino, onde relatou que a Polícia Militar estará presente sempre que acionada pelo município e no acompanhamento aos agentes fiscalizadores da administração pública para cumprir o que determina a lei rigorosamente.

Meneguelli disse que muitas pessoas não estão seguindo as orientações, com isso saem de casa e em bairros abrem estabelecimentos comerciais. “Gostaria de avisar que os comerciantes que já foram comunicados que não poderiam funcionar, se insistirem e abrirem o comércio, serão notificados e poderão “perder” o alvará de funcionamento”. Afirma o Prefeito.

No final do comunicado, o Prefeito pede desculpas a população pelas medidas tomadas, mas como gestor ele afirma que não pode ir contra os órgãos especializados. “Estou seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), do Ministério da Saúde, da Secretaria Estadual da Saúde e da nossa Secretaria da Saúde, que são autoridades nesse caso”. O Prefeito finaliza dizendo que: “Somos notificados pelo Ministério Público Federal e Estadual, se não tomarmos as providências necessárias para combater a pandemia”.

Conheça as medidas que estão em vigor:

1 – O Ambiente do Ginásio de Esportes Zito Dalla deverá ser disponibilizado para moradores em situação de rua.
2 – Bares, lanchonetes, restaurantes, sorveterias, trailers, estabelecimento congêneres, deverão funcionar a portas fechadas, atendendo a clientela através da modalidade delivery (entrega a domicílio).
3 – Lojas de Conveniência, exceto as localizadas em rodovias estaduais e federais, deverão suspender integralmente suas atividades. 
4 – Os ambulantes, incluindo os vendedores de palmito, frutas e demais mercadorias, tradicionalmente localizada ao longo das vias públicas, deverão suspender integralmente suas atividades.

Também foram decretados pelo Prefeito de Colatina as seguintes medidas para serem seguidas pelos supermercados, padarias, mercados, mercearias e hortifrútis.

Deverão Proibir:

1 – A entrada de maiores de 60 anos e menores 12 anos.
2 – O consumo de álcool dentro do estabelecimento.

Deverão controlar:

1 – A entrada e permanência de clientes, respeitando a quantidade por metro quadrado de pessoas dentro do recinto (uma pessoa a cada 3 metros quadrados).
2 – A quantidade de carrinhos de compras disponibilizados deverão ser compatíveis com a quantidade de clientes autorizados a entrar no estabelecimento.
3 – A lojas que comercializam autopeças deverão funcionar a portas fechadas, mediante a atendimento que evite contato direto com a clientela. São permitidas as atividades de prestação de serviço mecânico.
4 – Hotéis e pousadas deverão notificar diariamente a Polícia Militar os nomes e a origem territorial dos hóspedes, advindo de outras cidades ou de Colatina.
5 – Igrejas, templos e qualquer outro espaço dedicado a religiosidade, estão recomendados a não realizar cultos, missas e qualquer outro tipo de reunião.
6 – No caso de Velório recomenda-se restrição aos familiares até o terceiro grau, e em horário reduzido.

Mais Notícias

Deixe um comentário