Casagrande diz que medidas mais radicais não estão descartadas

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on print

O Governador do Estado Renato Casagrande em pronunciamento via redes sociais nesta segunda-feira (1º), disse que o Governo do Estado está fazendo um esforço gigantesco dentro do plano de convivência com a pandemia, para estabelecer um nível. Segundo o governador, “esse nível está amarrado a matriz de risco, que passou a entrar em vigência no dia 31 de maio e ontem classificou 14 municípios como risco baixo, 52 como risco moderado. No próximo sábado, não teremos atividades comerciais funcionando nestes municípios com risco moderado, para reduzir o grau de contaminação do vírus. E de risco alto, são 12 municípios, que o comércio funciona de segunda a sexta e de forma alternada. Essa classificação nos dá até agora a chance de fazer uma gestão de convivência com a pandemia.

Casagrande revela a falta de apoio do Governo Federal na luta contra a pandemia. “O governo Federal não está centrado, isso atrapalha os governadores nos estados, que estão com uma carga pesada. Essa falta de apoio dificulta o nosso trabalho”. Relata o governador.

O Governado revela, que quando autoriza o funcionamento de um comércio, como o shopping, é um sinal de tentativa, mas que todos precisam colaborar. “Peço muita a ajuda dos prefeitos, mais ainda vejo grande quantidade de pessoas nas praias, praticando esporte coletivo, caminhando, correndo. Precisamos saber o limite disso, por que é melhor restringir praia do que a gente ter que, de fato, adotar medidas mais radicais, que não são descartadas. Isso está vinculada ao número de leitos de UTI ocupados. Se chegarmos a 91% precisamos fechar comércio e serviços totalmente”.

O Governador Renato Casagrande finalizou o pronunciamento dizendo que: “Estou vivendo a angustia que é ser contagiado pelo vírus, e a ansiedade que isto causa. É preciso que todos compreendam que o que salva vida, é não ser contagiado. Termino agradecendo a quem está colaborando. Muito obrigado a todos pelo carinho”.

Mais Notícias

Deixe um comentário