Governo do Estado: veja quem poderá ser vacinado contra a Covid-19 após imunização de idosos acima de 60 anos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

As pessoas com deficiências, doenças raras e obesidade mórbida devem ter prioridade na vacinação contra a Covid-19 no Espírito Santo após a conclusão da imunização do grupo de idosos acima de 60 anos.

O Secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, explicou nesta sexta-feira (23), durante coletiva de imprensa on-line, que as diretrizes para a definição das comorbidades que devem ser levadas em consideração na próxima fase da vacinação no Estado estão sendo definidas por uma câmara técnica de gestores municipais e estaduais.

O secretário defende a ideia de vacinar capixabas de 50 a 59 anos no entendimento de que essas pessoas estão entre as que mais apresentam comorbidades no Estado do Espírito Santo. Segundo ele, o assunto já está sendo debatido em um seminário nacional.

“Avançar na vacinação do grupo entre 50 a 59 anos é oportuno para o Brasil na perspectiva de que nós estaríamos avançando num grupo que reúne ainda uma gama de pessoas com comorbidades associadas ao maior risco de mortalidade pela pandemia, em especial, as pessoas com comorbidades, doenças metabólicas associadas à alta mortalidade pela Covid-19. Explicou o secretário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notícias exclusivas diariamente no seu celular